Um dos principais documentos utilizados pelos professores é o plano de aula ou planejamento de aula. O objetivo do plano de aula é definir o tema das próximas aulas, os objetivos a serem alcançados, o que será ensinado aos alunos, qual será a metodologia aplicada, a avaliação, entre outros. Portanto, saber como montar um planejamento de aula para educação infantil é fundamental para qualquer professor.

    Isso porque a educação infantil é o primeiro contato que as crianças terão com uma sala de aula. Sendo assim, é um verdadeiro desafio para os professores ensiná-los da forma adequada, para que eles absorvam ao máximo o conteúdo trazido. É justamente por isso que é importante saber como montar um planejamento de aula para educação infantil.

    Como forma de ajudar os professores na hora de montar o seu planejamento de aula, separamos um passo a passo simples e didático. Nele, você confere os principais pontos que devem ser vistos com atenção ao criar o seu documento. Sendo assim, para ficar por dentro do nosso tutorial, continue lendo este texto e descubra tudo que separamos acerca deste tema.

    Qual a importância de ter um planejamento de aula?

    A educação infantil é a primeira etapa da educação básica, de acordo com o que disciplina a Lei de Diretrizes e Bases da Educação (1996 nº 9394). Seu papel é proporcionar o desenvolvimento integral da criança, levando em consideração seus aspectos físicos, mentais, intelectuais e sociais.

    Para que seja possível oferecer uma educação de qualidade aos estudantes do Ensino Infantil, os gestores precisam priorizar o planejamento de aulas na educação infantil. É através de um planejamento de aulas bem feito e organizado que o professor tem mais controle acerca das atividades desenvolvidas, das aulas, dos assuntos e dos resultados.

    Portanto, é papel do diretor incentivar os professores a desenvolver um plano anual de aulas. Além disso, as escolas devem fornecer tecnologia que pode ajudar a melhorar o planejamento das aulas e organizar atividades, fazendo com que elas se tornem mais interativas.

    O planejamento adequado é uma ferramenta essencial para melhorar a qualidade das aulas, o desenvolvimento intelectual do aluno, a diferenciação e a criatividade em sala de aula. Tudo isso contribui para uma boa formação das crianças, fazendo com que elas ingressem no Ensino Fundamental/Médio com uma boa bagagem de conhecimentos.

    Quais são os aspectos a serem considerados ao elaborar o planejamento de aula?

    Inicialmente, é importante deixar claro que ao criar o planejamento de aula para a educação infantil, você deve elaborar este documento orientado principalmente para a proposta pedagógica daquela escola. Nesse caso, esse documento deve seguir a proposta que foi apresentada aos responsáveis pelas crianças quando foram matriculá-las.

    Vale destacar também que o planejamento de aula não precisa ser algo estático. Na verdade, é possível negociar esse plano com os pais das crianças, fazendo as adaptações que julgar necessárias, bem como atendendo a todas as possibilidades e necessidades dos alunos.

    Você também deve priorizar atividades lúdicas, como aquelas realizadas nos ambientes internos da própria escola ou nos ambientes externos. Isso trará mais dinamicidade para as aulas, bem como irá estimular as diferentes sensações por parte dos alunos.

    Nesse caso, você pode planejar aulas nos ambientes internos utilizando brinquedos, aparelhos eletrônicos e outros materiais para profissionais da educação. Já os ambientes externos podem ser utilizados para fazer brincadeiras e outras atividades que tenham contato com a natureza.

    O planejamento de aula necessita de acompanhamento frequente por parte dos gestores escolares e dos professores, de modo que seja possível adaptar esse plano de acordo com as necessidades dos seus alunos. Abaixo, você confere como montar um planejamento de aula para educação infantil.

    Como montar um planejamento de aula para educação infantil

    Ao montar um planejamento de aula para educação infantil, o professor deve focar os seus esforços no aprendizado de seus alunos. A seguir, você confere algumas dicas para montar o planejamento de aula da forma correta.

    Defina os objetivos e o público

    A primeira etapa do processo consiste na definição do propósito pelo qual as atividades serão desenvolvidas. Nela, é necessário se perguntar qual é o foco do aprendizado dos alunos da educação infantil? A resposta irá nortear a construção do planejamento.

    A partir de então, as práticas escolhidas deverão estimular o desenvolvimento emocional e físico dos alunos, adaptando-as em conformidade com a capacidade de cada um. Após definir os objetivos, é importante verificar a sua aplicação de acordo com as turmas e os alunos.

    Seja criativo

    Os pequenos podem se divertir e aprender ao mesmo tempo,  através de mudanças no estilo das aulas. Isso pode ser feito usando fantoches de dedo ou conteúdo online para atrair a atenção dos alunos. Além disso, diferentes lições podem ser aproveitadas pelas crianças usando as estratégias disponíveis atualmente. Sendo assim, você deve deixar a sua imaginação trabalhar e variar nos métodos de ensino.

    Os professores também podem usar a música como uma ferramenta de ensino. Ao utilizar a música no seu planejamento de aulas, o professor pode ajudar os alunos a melhorar sua coordenação, pronúncia, habilidades motoras e audição, fazendo com que cantem as músicas e ao mesmo tempo passem por um processo de aprendizagem’.

    Aproveite a tecnologia

    A tecnologia é uma grande aliada dos professores na hora de montar um planejamento de aulas para a Educação infantil. Você pode utilizar os celulares, computadores e tablets para enviar tarefas de casa, bem como dar aulas de forma totalmente online. Isso porque o celular é parte integrante do dia a dia das crianças. Logo, você pode aproveitá-lo também para o aprendizado.

    Escolha os materiais a serem utilizados nas aulas 

    Após fazer um levantamento de todas as atividades a serem desenvolvidas nas aulas, o próximo passo é fazer uma lista com todos os materiais que serão necessários para realização dessas atividades. A partir disso, você pode criar um orçamento contendo as despesas para aquisição desses produtos.

    Essa lista é importante para não pegar nenhum pai de surpresa. Além do mais, ela pode servir como incentivo para a participação dos pais e representantes dos alunos em atividades de casa.

    Defina a forma de avaliar os alunos

    Um ponto importante na hora de montar um planejamento de aulas para a educação infantil é escolher a forma de avaliação dos alunos. Isso porque, o método utilizado para realizar a avaliação será responsável por apresentar os resultados obtidos a partir da aplicação do planejamento de aula. Logo, podemos dizer que se trata de um termômetro de aprendizado.

    Lembrando que, tendo em vista se tratar de crianças que estão na educação infantil, você deve escolher métodos baseados na compreensão e na evolução do aluno ao longo do tempo. Nada de criar provas ou outros testes que medem conhecimento. Aqui, o que se busca medir é a evolução do aluno nos mais diversos aspectos, desde físicos até psicológicos.

    Com isso, finalizamos a nossa lista com as melhores dicas para que você possa aprender como montar um planejamento de aula para a educação infantil. Sendo assim, esperamos que você goste do conteúdo trazido e utilize-o na elaboração do seu plano de aula. Se gostou, compartilhe com os seus colegas professores e gestores escolares, bem como deixe a sua curtida.

    Compartilhe.
    Avatar de Fátima Watanabe

    Formada em biblioteconomia pela UFMG, Fátima Watanabe começou na sua área escrevendo artigos sobre as obras de Dante Alighieri e sua importância dentro da literatura. Hoje, Fátima passa seus dias como pesquisadora de sua área, integrando o uso de palavras-chave na pesquisa didática e ainda escreve editoriais e artigos no WTW19.